Portal OESTADONET

O Ministério do Turismo empenhou nesta terça-feira(25) recursos na ordem de R$ 1,9 milhão para que a prefeitura de Santarém urbanize a orla da Vila Arigó, no bairro da Prainha, em Santarém. A verba foi liberada por solicitação do deputado federal José Priante(PMDB-Pa) ao ministro do Turismo, Marx Beltrão.

A partir desta quarta-feira(26), o prefeito Nélio Aguiar tem prazo para apresentar o projeto da nova orla da Vila Arigó à Caixa Econômica Federal e providenciar a licitação para a obra no valor de R$ 1.950.000,00, provenientes do orçamento próprio do Ministério do Turismo.

Na justificativa apresentada ao Ministério do Turismo, o deputado José Priante mostrou que a vila Arigó está localizada próxima à área portuária, na orla de Santarém que, em breve, passará a ser local de embarque e desembarque de lanchas e barcos que fazem linhas para o interior do município e outras cidades da região, atraindo para o local um grande fluxo de pessoas.

Priante sustentou que o local já possui um espaço destinado à urbanização entre as casas do local e o muro de contenção da orla e que atualmente já existem vários bares e restaurantes que exploram o turismo, mesmo sem existir a orla urbanizada.

De acordo com o parlamentar, o projeto que a prefeitura vai apresentar deve constar equipamentos, como play ground, caramanchão e quiosques para venda de comida e produtos típicos da região, possibilitando que a orla da vila Arigó passe a ser ainda mais procurada pelos turistas, uma vez que do local pode ser apreciado o encontro das águas dos rios Tapajós e Amazonas.

Pesquisa de Demanda Turística de Alta Temporada, ano de 2015, mostra que a orla de Santarém é o segundo local mais procurado pelos turistas, depois de Alter do Chão. A pesquisa revela que 59% os atrativos naturais são os motivos das visitas a Santarém. “ A vila Arigó também será um importante ponto turístico de Santarém depois que sua orla for reurbanizada”, aposta Priante




Comente no Site (Clique Aqui)


Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

Comente no Facebook (Clique Aqui)


Última modificação em Quarta, 26 Julho 2017 10:30