Lúcio Flávio Pinto

A Cargill, que já tem um grande porto em Santarém (maior do que o terminal de carga geral da cidade), para escoar principalmente soja, trazida de Mato Grosso ou (cada vez mais) da própria região), quer agora implantar outro Terminal Portuário de Uso Privado em Abaetetuba, o município vizinho de Barcarena, onde se localiza o principal porto do Estado.

A multinacional americana já submeteu à Secretaria de Meio Ambiente e Sustentabilidade do Estado o EIA-Rima para o licenciamento ambiental. A audiência pública para a discussão da questão terá que ser realizada em 45 dias, a contar de hoje, quando o edital de comunicação da Semas for publicado no Diário Oficial do Estado.




Comente no Site (Clique Aqui)


Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

Comente no Facebook (Clique Aqui)


Última modificação em Sexta, 26 Janeiro 2018 17:01