70% dos casos de Aids em Santarém estão entre homens de até 24 anos
Domingo, 03 Dezembro 2017 13:21

70% dos casos de Aids em Santarém estão entre homens de até 24 anos

Escrito por Portal OESTADONET e Agência Santarém

Dados do Centro de Testagem e Aconselhamento (CTA) mostram que em Santarém houve aumento, do ano passado pra cá, no número de jovens portadores do Vírus HIV, na faixa etária de 15 a 29 anos. Em 2016 o número era de 49, este ano aumentou para 53.

De janeiro a outubro deste ano 104 pessoas foram testadas como positivas para o vírus HIV e destas 70% são homens, em sua grande maioria jovens, na faixa etária de 20 a 24 anos.

 

Nesta faixa etária, 19 homens foram diagnosticados com o vírus HIV, no entanto, o cenário local não é diferente do restante do país. O HIV entre jovens no Brasil tem crescido a níveis preocupantes nos últimos anos. Estudos da Unaids (Organização das Nações Unidas para HIV/Aids) apontam para um aumento substancial entre esse público, principalmente na faixa etária dos 15 aos 24 anos. 

 

Os dados do CTA confirmam que no período estimado das 104 pessoas contaminadas, 31 eram do sexo feminino. A faixa etária com maior incidência da doença estava entre sete mulheres que têm entre 30 e 34 anos. 

"Se você observar os dados, a situação é mais crítica entre os jovens na faixa etária de 20 a 24 anos. Precisamos mudar isso e fazer com que eles entendam que a Aids mata e eles precisam se prevenir", salientou a coordenadora do CTA, Ana Lúcia Ferreira.

Ana Lúcia explicou que a contaminação entre os jovens se deve, principalmente, ao consumo de álcool e a confiança entre os parceiros e disse que incentivar o uso do preservativo entre os jovens deve ser feito de forma incansável. "As pessoas precisam entender que o uso do preservativo é a única forma segura de se prevenir, não só contra o HIV, mas também contra as hepatites virais e outras IST's", ressaltou a enfermeira.

O secretário municipal de Saúde, Edson Ferreira Filho, ressaltou que a ação em Santarém, reforça o compromisso do governo municipal com a atenção à saúde da população, com foco na defesa e promoção da vida. "É preciso falar sobre a sexualidade, sobre o HIV, pois a Aids é uma realidade que está perto de cada um de nós. Sem prevenção e sem informação, nossos jovens e a população de forma geral serão alvos fáceis diante da contaminação pelo HIV. Pensando nisso, assumimos o compromisso de lutarmos juntos no combate a esta doença e a outras doenças infectocontagiosas, através de ações desenvolvidas pela Semsa, como esta do Dezembro Vermelho", finalizou o secretário de saúde de Santarém.

Dados HIV/Aids registrados em Santarém em 2017 (jan. a out./2017)
Faixa Etária
1 a 4 anos - 01 (menina)
15 a 19 anos - 05 (homens) e 02 (mulheres)
20 a 24 anos - 19 (homens) e 05 (mulheres)
25 a 29 anos - 17 (homens) e 05 (mulheres)
30 a 34 anos - 08 (homens) e 07 (mulheres)
35 a 39 anos - 08 (homens) e 04 (mulheres)
40 a 44 anos - 05 (homens) e 02 (mulheres)
45 a 49 anos - 04 (homens) e 03 (mulheres)
50 a 54 anos - 04 (homens) e 01 (mulher)
55 a 59 anos - 02 (homens) e 01 (mulher)
60 a 99 anos - 01 (homem)

Sub-total: 73 homens e 31 mulheres
Total: 104 pessoas
Fonte: Dados do CTA/SAE (Centro de Testagem e Aconselhamento/Serviço de Assistência Especializada) Santarém, de Janeiro a Outubro de 2017.

Cirurgião-dentista tem carro alvejado por pedra ao retornar do aeroporto de Santarém
Sexta, 01 Dezembro 2017 10:16

Cirurgião-dentista tem carro alvejado por pedra ao retornar do aeroporto de Santarém

Escrito por Portal OESTADONET

O cirurgião-dentista Eduardo Luiz Pinheiro teve a lataria e o retrovisor direito de seu veículo danificados por uma pedra arremessada por uma pessoa, em atitute suspeita, que se encontrava no acostamento da rodovia Fernando Guilhon, na madrugada desta sexta-feira(1).

O cirugião-dentista retornava do aeroporto Maestro Wilson Fonseca por volta de 3 horas da madrugada, quando ouviu o estrondo na lateral do automóvel, próximo ao acesso à praia do Pajuçara. Ainda na rodovia, ele acionou a PM pelo telfone 190 e foi orientado a procurar uma delegacia de políca para registrar a ocorrência.

Mas ao chegar à delegacia central, Eduardo foi informado que naquele horário só funciona a central de flagrante, sendo aconselhado a procurar à UIPP na Nova República, na manhã desta sexta-feira.

Presidente Temer já liberou cerca de 24 milhões de reais para obras da prefeitura de Santarém este ano

Já passaram ou ainda estão depositados na conta bancária da Prefeitura de Santarém, desde o dia 5 de junho desde ano, R$ 23,9 milhões de recursos federais liberados, mediante convênio, pelo presidente Michel Temer para obras de infraestrutura de saneamento, pavimentação de vias, construção de praças e centro de esportes, além de aquisição de patrulha mecanizada, no município de Santarém.

Levantamento do Portal OESTADONET a partir das comunicações enviadas pela Controladoria Geral da União, através do Portal da Transparência, mostram que o prefeito Nélio Aguiar recebeu doze liberações de recursos federais no período de 5 de maio a 22 de novembro, que variam de 53 mil de reais a 21,6 milhões de reais. A maioria das obras cujos recursos foram destinados está em andamento ou preste a iniciar.

No dia 5 de junho, o Ministério da Integração Nacional repassou 53 mil reais par ações de socorro e assistência a atingidos por vendaval e enchente. No dia 18 de agosto, a prefeitura recebeu do Ministério das Cidades 142 mil reais para instalação de sistemas de água no Tabocal e Jacamim. No mesmo dia, foram depositados pelo Ministério das Cidades 219 mil para pavimentação de vias urbanas. Antes, no dia 11, o Ministério do Turismo liberou 101 mil para a segunda etapa da arena de eventos.

Em setembro, dia 4, o Ministério do Turismo transferiu para a conta da prefeitura de Santarém 122 mil reais para a construção da primeira etapa da praça de eventos e 233 mil para a segunda etapa dessa obra. No dia 22, o Ministério das Cidades liberou 111 mil reais para obras de saneamento nos bairros de Fátima, Aldeia, Santa Clara, Prainha, Santíssimo, Interventoria, Jardim Santarém, Aparecida e Jardim Santarém.

No dia 5 de outubro, o Ministério da Agricultura depositou 292 mil reais para compra de uma patrulha mecanizada e no dia 16, mais 295 mil reais para outro equipamento. No dia 19 de outubro foram liberados 267 mil reais para prosseguimento de obras de saneamento em 9 bairros da cidade.

O Ministério dos Esportes liberou no dia 27 de outubro 425 mil reais para construção do Centro de Iniciação Esportiva.

A maior liberação foi feita pelo Ministério da Integração Regional no dia primeiro de novembro: R$ 21,6 milhões para obras de reconstrução e ampliação de 1.600 metros do cais de arrimo de Santarém. No último dia 22, o Ministério do Desenvolvimento Social liberou 135 mil reais para a construção de um centro de referência e assistência social(CRAS).

Prefeitura faz licitação para atualizar o Plano de Mobilidade Urbana de Santarém
Terça, 28 Novembro 2017 09:44

Prefeitura faz licitação para atualizar o Plano de Mobilidade Urbana de Santarém

Escrito por Portal OESTADONET

A Prefeitura de Santarém abrirá dia 7 de dezembro uma licitação, modalidade pregão presencial para contratação de pessoa jurídica especializada em serviços de consultoria para atualização do Plano de Mobilidade Urbana, integrado ao Plano Diretor Participativo do município.

No dia 14, Secretaria Municipal de Saúde - SEMSA fará licitação para aquisição de material de consumo (agrícola, construção, gêneros alimentícios, limpeza e copa, combustíveis) material permanente, passagens aéreas, serviço de confecção de sacolas, serviços gráficos e outros, para atender as necessidades do Projeto Arranjo Produtivo Local de Plantas Medicinais e Fitoterápicos Santarém - APL.

Nesse mesmo dia, a Semsa farrá licitação para contratação de empresa especializada para os serviçosde finalização das academias de saúde do bairro: Conquista, Diamantino e a Jardelândia para atender as necessidades da Secretaria Municipal de Saúde.

Pesquisa busca identificar emoções despertadas por cada tipo de bebida
Segunda, 27 Novembro 2017 10:38

Pesquisa busca identificar emoções despertadas por cada tipo de bebida

Escrito por Paloma Olivero

Bebidas alcoólicas estão por trás de 3,3 milhões de mortes anuais, e acredita-se que 5% de doenças e acidentes registrados globalmente em 2014 sejam atribuídos a elas. O abuso da substância, seja por usuários esporádicos ou dependentes químicos, faz com que médicos e pesquisadores tentem entender o que as pessoas estão buscando em copos, taças e garrafas. Uma dessas iniciativas é a Global Drug Survey, pesquisa realizada com mais de 29 mil pessoas, com idade entre 18 e 34 anos, moradoras de 21 países. Por meio de um questionário on-line, homens e mulheres de todas as classes socioeconômicas foram convidados a dizer quais emoções eles acreditam que cada tipo de bebida — vinho branco, vinho tinto, destilados e cerveja — desperta.

Para participar, os voluntários tinham de ter tomado todas essas variedades nos 12 meses anteriores. Os pesquisadores da Agência Nacional de Saúde do País de Gales e do King’s College de Londres pediram que cada um associasse as bebidas a emoções positivas (se sentir com energia, confiante, sexy ou relaxado) e negativas (cansaço, agressividade, inquietude, ter vontade de chorar). Um mesmo drinque poderia ser encaixado nas duas categorias — boa e ruim — pelo mesmo usuário. Por exemplo, o participante poderia dizer que tomar vodca faz alguém parecer mais sensual e, ao mesmo tempo, ficar mais agressivo.

Os resultados mostraram que as emoções atribuídas às bebidas estão de acordo com os rótulos socialmente associados a elas. Por exemplo, assim como nas propagandas de ice, uísque e vodca, que geralmente retratam pessoas sofisticadas em casas noturnas, dançando ou saboreando o drinque no bar, 59% dos respondentes disseram que os destilados despertam sensação de energia e confiança. Mais de quatro em cada 10 (42,5%) também acreditam que elas deixam as pessoas mais sexies. O vinho, cultuado como bebida elegante e ideal para relaxar, foi encaixado justamente neste perfil (veja quadro).

Como se trata de um estudo observacional, ou seja, não investiga causa e efeito, os autores ressaltam que não é possível afirmar categoricamente que os consumidores são induzidos pela imagem criada pela indústria a associar determinadas bebidas a certas emoções. Mas, no artigo, publicado na edição on-line da revista British Medical Journal (BMJ), eles destacam que a análise dos dados sugere que “indivíduos estão, em alguma extensão, consumindo bebidas em diferentes configurações baseados nas emoções que eles percebem estarem associadas com tipos particulares de álcool”.

Especialista em dependência química, a psiquiatra Helena Moura, preceptora da residência do Hospital de Base nessa área, diz que é difícil saber até que ponto as bebidas de fato despertam as emoções que se creditam a elas ou se o contexto social tem maior influência. “Existe a questão da aprendizagem social. Sempre aprendemos que em churrasco se bebe cerveja; que, para para comemorar, toma-se espumante; e, na festa, são os destilados. No cinema, vemos o personagem chegar cansado do trabalho e tomar uísque para relaxar. Nós canalizamos essas informações. Então, é importante analisar a influência do marketing de cada produto na percepção das emoções”, observa.


Imaginário coletivo

Na amostra estudada, os pesquisadores constataram que, para os consumidores, as emoções positivas associadas a uma bebida se sobrepõem às negativas. Por exemplo: os destilados foram os drinques mais relacionados a sensações boas. Porém, também foram os mais relacionados às ruins, especialmente à agressividade.  De acordo com os autores, é possível que, no imaginário coletivo bombardeado por “publicidade quase onipresente”, os aspectos negativos de determinado drinque vêm à tona em casos pontuais ou são resultantes apenas do comportamento abusivo.

Voltando aos destilados, se reconhecem que bebidas do tipo têm o potencial de deixar os usuários mais enervados e inquietos, os consumidores acham, por outro lado, que isso só ocorre eventualmente e no caso dos dependentes químicos. Além disso, a psiquiatra Helena Moura destaca que a expectativa em relação às supostas sensações positivas podem ser tão grandes que o consumidor negligencia os aspectos negativos.

Para a especialista em dependência química, o estudo levanta importantes questões, que devem ser levadas em consideração por quem tem hábito de beber, mesmo que não seja usuário pesado de álcool. “Há uma série de valores a serem questionados. Precisamos mesmo beber vinho quando chegamos em casa para relaxar? Somos obrigados a beber para nos divertir?”, questiona.

A psiquiatra também observa que, ao buscar no álcool emoções positivas para contrabalancear sentimentos negativos, se mascara o problema que precisa ser resolvido. “Uma pessoa que está deprimida e bebe para ficar um pouquinho mais animada não está tratando a depressão”, alerta. “Vai ter uma hora em que uma dose só não será mais suficiente.”

Mark Bellis, coautor do estudo e pesquisador da Agência Nacional de Saúde do País de Gales, acredita que conhecer as emoções que a população atribui às bebidas pode direcionar políticas públicas preventivas, como campanhas ou regulação de publicidade. “Principalmente em relação a pessoas que bebem muito, entender melhor o comportamento do bebedor é fundamental para estratégias de saúde pública. No Reino Unido, por exemplo, um litro de destilado pode ser comprado por 15 libras ou menos. Então, uma dose dupla sai por centavos. Esses preços podem encorajar o consumo a níveis perigosos para a saúde do consumidor e das pessoas ao redor dele”, observa.


Cenário brasileiro

No Brasil, dados da Organização Mundial da Saúde mostram que o consumo de álcool é 40% maior que a média mundial. Uma pesquisa on-line de 2013 revelou que 68% dos respondentes beberam cerveja nos 30 dias anteriores à enquete, 42% consumiram vinho, 24%, vodca, 20%, uísque e 19%, ice. Os resultados refletem o que se viu no Global Drug Survey. A cerveja foi a bebida mais associada a emoções positivas pelos 213 brasileiros que responderam ao questionário internacional (0,71% da amostra), enquanto que os destilados foram os menos relacionados a boas sensações.

(Do Correio Braziliense)

Círio da Conceição 2017. Fotos dos internautas. Acompanhe
Domingo, 26 Novembro 2017 07:09

Círio da Conceição 2017. Fotos dos internautas. Acompanhe

Escrito por Portal OESTADONET

O Portal OESTADONET publica neste domingo as fotos postadas via internet por romeiros que acompanham o círio de Nossa Senhora da Conceição, em Santarém.

Imagens de Girleno Alves, Ronnie Dantas, Bena Santana,  Rui Neri, Anderson Dizencourt, Américo Feitosa. Paulo Celson, Sidney Canto, Ruth Freire, André Júnior, Lila Bemerguy.

 

 

 

 

 

 

 

imageimage

 

 

Crendices e folclore da região de rios de Santarém são temas do livro Viagem a Santarém

A Imprensa Oficial do Estado (IOE) abre sua participação no X Salão do Livro da Região do Baixo Amazonas, em Santarém - do qual é uma das patrocinadoras - com o lançamento do livro “Viagem a Santarém”, do professor, pesquisador e escritor Paulo Maués Corrêa. O evento neste domingo, 26, às 18h, no estande da autarquia.

Segundo o autor, o livro seria “um simples diário de viagens”, mas acabou transformado em um estudo mais profundo. “Articulei meus registros com outras fontes para delinear melhor um retrato daquilo que eu havia presenciado e traçar um perfil mais significativo das comunidades com as quais tive maior contato: Bom Futuro, São José e Vila Brasil”, observou.

Rodrigo de Souza Wanzeler, doutorando em antropologia, que assina o prefácio do livro, conta que o leitor terá a oportunidade de “mergulhar, tal qual um boto no entorno de uma embarcação, no dia a dia das Vilas Brasil, São José e Bom Futuro, comunidades pertencentes ao grande município de Santarém, conhecendo um tanto de suas lendas e crendices, bem como de alguns fatos e de seu folclore”. Para ele, Paulo Maués faz uma coerente ligação do que vê e ouve com coisas que, teoricamente, já entrara em contato, fazendo de sua obra um grande mosaico em que as observações empíricas e teóricas se imbricam.

Corrêa conta que mais do que escrever, o que mais chama sua atenção é o hábito da observação. Nesse sentido ele mantém todos os sentidos aguçados, “a fim de captar os detalhes daquilo que me cerca”, destaca. E alerta desde já, que muito ainda ficou por ser dito. “Há sempre algo que nos escapa ou que julgamos desnecessário ou simplesmente não conseguimos costurar de modo a contento no corpo do texto”, explica.

Serviço:
Viagem a Santarém
Data: 26 de novembro de 2017
Hora: 18h
Local: Salão do Livro do Baixo Amazonas

Acionado, Conselho Tutelar vai resgatar menores venezuelanos em situação de risco nas ruas de Santarém

A Prefeitura de Santarém anunciou no final da tarde desta quarta-feira-feira(22), que o Conselho Tutelar vai resgatar para um local seguro os menores indígenas venezuelanos que forem encontrados em situação se risco, mesmo que acompanhados de suas mães.

Em nota, a prefeitura "reforça à população que não contribua com os pedidos de dinheiro por parte dos grupos de refugiados que vão às ruas, pois parte deles utiliza o valor para a compra de bebidas alcoólicas. Em caso de identificar crianças Venezuelanas nas ruas de Santarém, a Semtras pede que a população acione o Conselho Tutelar para que o menor de idade seja resgatado em segurança."

A Semtras está prestando a assistência necessária quanto a alimentação e disponibilização de abrigo, levando em consideração a preservação cultural do povo indígena da etnia Warao. Atualmente o município abriga 149 venezuelanos indígenas.

Sobre a confusão envolvendo indígenas Venezuelanos abrigados no Centro de Referência de Assistência Social (Cras) Santarenzinho, a Prefeitura de Santarém por meio da Secretaria Municipal de Trabalho e Assistência Social (Semtras) informa que tomou ciência do ocorrido, as vítimas foram atendidas no Centro Maria do Pará e o caso será levado à Delegacia Especializada de Atendimento Mulher (Deam).

Esclarece a Semtras que está articulando a transferência desse grupo para o abrigo que funciona na Escola Municipal Nossa Senhora de Fátima, na comunidade Cambuquira.

Polícia Civil cumpre mandados de prisão de acusados de falsificar diplomas na Semed
Terça, 21 Novembro 2017 07:39

Polícia Civil cumpre mandados de prisão de acusados de falsificar diplomas na Semed

Escrito por Portal OESTADONET

Polícia Civil de Santarém deflagrou uma operação de cumprimento de 3 prisões temporárias, 9 medidas cautelares diversas da prisão e 14 buscas e apreensões, em combate a crimes contra a administração pública (corrupção, associação criminosa e falsificação de documento público). 

Durante as investigações emergiram evidências da existência de uma associação criminosa que atuava na Secretaria Municipal de Educação com a finalidade de venda de cargos públicos, mediante utilização de documento falso.

Na mitologia grega, era um espírito que personificava o engano, o dolo e a fraude. Segundo a polícia, houve falsificação de documentos (diplomas), para ingresso no serviço público municipal (Semed - Educação infantil).

Duas ex-servidoras da da Semed já foram presas e foram conduzidas até a delegacia de policia.

O delegado José Castro comanda a operação.

*Matéria sendo atualizada.

Empresários de ônibus de Santarém, livres de cumprimento de prisão por habeas corpus do STF, vão se recolher à noite e entregar passaportes

O juiz Gabriel Araújo, da 3ª.Vara Criminal da Comarca de Santarém, determinou o cumprimento de medidas cautelares – recolhimento domiciliar noturno em dias úteis e 24 horas nos finais de semana, entrega de passaportes - contra os empresários de ônibus Edson Veras, da Eixo-Forte Transportes e Nilson Padilha, da Fênix Transportes, que conseguiram Habeas Corpus junto ao Supremo Tribunal Federal e tiveram adiado o cumprimento da sentença de 17 anos de prisão aplicada pelo Tribunal do Júri, em 20 de setembro de 2016, pela morte, com requintes de crueldade, de José Antônio Silva do Nascimento, que quebrou o vidro frontal esquerdo de um ônibus da empresa Perpétuo Socorro, onde os dois empresários autavam, no dia 30 de março de 1992, em Santarém.

A sentença condenatória confirmada pelo Tribunal de Justiça do Estado do Pará e mandado prisional expedido, sofreu revés no STF, por força do HC 149344, sob relatoria do Ministro Ricardo Lewandowisk. O caso continua no Superior Tribunal de Justiça, que analisa recurso da defesa contra a decisão do Tribunal de Justiça, que considerou o processo transitado em julgado, no dia 7 de março de 2012. Houve nova apelação do TJ, em 2016, que também a rejeitou. A defesa recorreu, então, ao STJ.

O juiz Gabriel Araújo, que em 2007, quando presidia a 10ª. Vara do Tribunal do Júri, fez a pronúncia dos então acusados no dia 8 de outubro, é atualmente titular da 3ª. Vara Penal, determinou o recolhimento dos mandados prisionais emitidos em desfavor dos empresários, que haviam sido expedidos pela vara do tribunal do júri.

Segundo o advogado José Ronaldo Campos, “a Corte Suprema, ao conceder o Habeas Corpus, concluiu que a antecipação do cumprimento da pena, em qualquer grau de jurisdição, só pode ocorrer por decisão que demonstre a necessidade da custódia cautelar. Em resumo: execução da pena só depois do trânsito em julgado, exceto se presentes os motivos para a decretação da prisão preventiva, de natureza cautelar, extrema.

Em sua decisão interlocutória, tomada no último dia 16, o juiz Gabriel Araújo explicou que “diante da decisão do Supremo Tribunal Federal se tornou impossível o cumprimento dos mandados de prisões”. E acrescentou: “ Verifico que o Ministro Ricardo Lewandowski permitiu a fixao de medidas cautelares o que pelo menos tendo a garantir a futura execução das penas, caso confirmadas as condenações após o trânsito em julgado das decisões proferidas por esse Juízo epelo Egrégio Tribunal de Justiça do Estado do Pará.”

Gabriel Araújo, além da revogação das ordens de prisões fixouo as seguintes medidas cautelares a serem cumpridas por ambos os réus:

1.Não cometer um novo crime ou contravenção penal.

2.Comparecer nesse Juízo mensalmente, especialmente em um dos dias designados no calendário de apresentação, para informar ejustificar suas atividades;

3.Se recolher na sua residência todos os dias úteis até as 21:00 horas e lá permanecer até as 07:00 horas.

4.Se recolher em sua residência durante as 24 (vinte e quatro) horas do dia naqueles que no forem dias uteis (domingos e feriados).

5.No usar ou portar em hipótese alguma entorpecentes e bebidas alcoólicas.

6.Não frequentar bares, boates, casas de Show, locais de prostituição, jogos, torneios de futebol ou baralho e lugares similares;

7.Proceder a entrega a esse Juízo dos passaportes, tendo em vista que esse Juízo entende diante da condenação provisória é impossível autorizar os rus a se ausentarem do país.

O juiz determinou a expedição de ofício de comunicação à Polícia Federal relatando a proibição dos acusados se ausentarem do país.

Relembre o caso

No dia 30 de março de 1992, por volta das 18 horass, a vítima José Antônio Silva do Nascimento quebrou o vidro frontal esquerdo do veículo nº03 da empresa Perpétuo Socorro, tendo sido perseguido e capturado pelo motorista e levado para a garagem do estabelecimento empresarial, para conversar com o gerente, Edson Veras, sobre quem iria pagar o prejuízo causado.

Na ocasião, José Antônio, segundo denúncia do Ministério Público, José Antônio foi colocado por Edson Veras e Nilson Padilha, em mais dois denunciados – Joacy Silva e Assunção Ribeiro - na carroceria de um veículo Pampa, dizendo Edson que o levaria para a delegacia, fato que não ocorreu, sendo que foi a última vez que a vítima foi vista com vida.

No dia 2 de abril, foi encontrado o corpo de José Antônio, esqueletizado, com sinais de combustão, em uma área de mata, próximo a rodovia Fernando Guilhon.

À polícia, os interrogados afirmaram que, não obstante fossem quatro homens adultos, a vítima conseguiu evadir-se durante uma breve parada do automóvel para a descida de Assunção dos Santos Ribeiro e Joacy Araújo da Silva.

Os acuados sustentaram que não conseguiram, mesmo contando com larga superioridade numérica e possuindo um carro, perseguir e apreender, novamente, José Antônio Silva do Nascimento, que teria se escondido em um matagal às proximidades do trevo da Rodovia Fernando Guilhon com a Avenida Cuiabá.

No julgamento pelo Tribunal do Jurí, a defesa não conseguiu derrubar a tese, incontroversa, que a vítima foi conduzida pelos acusados em um veículo Pampa e, três dias depois, foi encontrada morta em decorrência de lesões produzidas por espancamento e projéteis de arma de fogo, tendo sido seu corpo incinerado posteriormente, conforme atestado pelo Laudo Necroscópico.

Segundo o laudo de exame no local do cadáver, os peritos observaram no solo de onde estava o cadáver até a pista (13 metros) a presença de vestígios (marcas) deixadas por um veículo leve com pneus de 17 a 20 cm de largura, semelhante ao do veículo Pampa .

Ao ser interrogado em Plenário, Edson Veras, apresentou versão que, segundo o motorista do ônibus, “o rapaz estava embriagado; por isso eles conseguiram pegá-lo, e levaram para a garagem; que o rapaz estava com um pouco de embriaguez; que não estava machucado, não tinha sangue; que crê que pelo estado de embriaguez ele não tenha tido rapidez para se evadir; que em nenhum momento tentou fugir na empresa; que era muito comum quebrarem ônibus na região; que registravam ocorrência; mas que por extrema burocracia desestimulavam de levar os casos para polícia; que depois da evasão do rapaz, achou que não valia a pena ir até a delegacia; que tinha arma, uma cartucheira calibre 12; que guardava-a em sua casa e tinha registro; que pelo que sabe os outros não tinham arma(...)”.

Atendimento da UPA 24h será ampliado com reforço de médicos de unidades de saúde
Sexta, 17 Novembro 2017 09:28

Atendimento da UPA 24h será ampliado com reforço de médicos de unidades de saúde

Escrito por Portal OESTADONET, com informações da Semsa

Nenhuma Unidade Básica de Saúde em Santarém será fechada pela Secretaria Municipal de Saúde(Semsa), como vem sendo divulgado por membros do Conselho Municipal de Saúde nas redes sociais. As medidas de readequação de pessoal e contenção de despesas que serão adotadas visam aumentar o atendimento da UPA 24H, que tem estrutura para fazer 10 mil atendimentos, mas atualmente atende 75% de sua capacidade.

Com base em dados do mês de julho informado pela Semsa ao Portal OESTADONET, o custo médio de manutenção e pessoal de uma unidade básica de saúde(UBS) no município é de R$ 60 mil mensais. Com esta medida, o Município passa a economizar aproximadamente R$ 270 mil do Tesouro Municipal, que serão investidos em compra de medicamentos e insumos para o Hospital Municipal e Unidade de Pronto Atendimento (UPA 24h).

Os médicos que atendiam de quarta a sexta-feira de 14 h às 22h e sábados e domingos, de 7h às 9h, nas unidades de saúde, reforçarão a equipe da UPA 24h, que passará de seis para nove médicos. Apenas as UBS's de Alter do Chão e Curuai, que conta com um médico cubano que mora lá, irão permanecer atendendo 24 horas devido à distância da zona urbana.

As UBS's dos bairros Nova República e Santarenzinho irão funcionar com atendimento médico nos horários da manhã e tarde. Já as unidades dos bairros Caranazal e Livramento irão funcionar normalmente na categoria de unidade básica de saúde, com a presença de médico.

A Semsa esclarece ainda que todos os casos de urgência devem ser direcionados à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) 24h, que está preparada e equipada para atender urgência e emergência. Os casos mais graves serão encaminhamos ao Pronto Socorro Municipal (PSM). A UPA 24h está equipada para receber toda a demanda de urgência e emergência do município e fica na Avenida Curuá-Una, bairro Diamantino.

Crianças e adolescentes Warao serão acolhidos na rede municipal de ensino, prevê decreto de emergência social em Santarém
Sexta, 17 Novembro 2017 09:19

Crianças e adolescentes Warao serão acolhidos na rede municipal de ensino, prevê decreto de emergência social em Santarém

Escrito por Portal OESTADONET, com informações da Agência Santarém

A Secretaria Municipal de Educação (Semed) deverá incluir na rede municipal de ensino crianças e adolescentes da etnia Warao, que migraram para Santarém em busca de refúgio, desde o último dia 28 de setembro. Esta é uma das medidas atotadas pelo prefeito Nélio Aguiar através de decreto em que declara situação de emergência social devido ao devido ao inesperado e rápido aumento do número de índios refugiados venezuelanos.

Atualmente, o município acolhe 120 indígenas em uma escola municipal desativada, no bairro Cambuquira. O decreto valerá por 180 dias, podendo ser prorrogado pelo prazo de 30 dias.

De acordo com Decreto nº 796/2017 (confira o documento na íntegra), a Secretaria Municipal de Trabalho e Assistência Social (Semtras) continuará prestando assistência, mas agora com ajuda de uma força tarefa para implementar ações emergenciais para assegurar a adequada assistência humanitária aos imigrantes indígenas, realizando campanhas educativas de orientação junto à comunidade.

O decreto de situação de emergência social indica ainda que a administração municipal irá buscar acordos de cooperação com a União e o Estado do Pará, visando a repartição proporcional de custeio e manutenção dos imigrantes aqui no município.

De acordo com o artigo 6º, ficam dispensados de licitação de aquisição de bens e serviços a execução do Plano de Ação Intersetorial para atender aos indígenas. O decreto indica ainda que a administração municipal irá buscar acordos de cooperação com a União e o Estado do Pará, visando a repartição proporcional de custeio e manutenção dos imigrantes.

A Semtras solicita apoio da população para tentar coibir a prática que vem sendo usada pelos indígenas como modo de vida no ato de pedir nas ruas, levando as crianças e expondo-as a riscos. A orientação é que a população não ajude doando valores, pois o grupo está recebendo toda assistência necessária em relação a alimentação, saúde e abrigamento.


Semsa finaliza edital para terceirização da administração do HMS e UPA 24h
Terça, 14 Novembro 2017 09:45

Semsa finaliza edital para terceirização da administração do HMS e UPA 24h

Escrito por Portal OESTADONET

Está sendo finalizado o edital para escolha de organização social que vai administrar o Hospital Municipal de Santarém e a UPA 24h. O documento será publicado nos prõximos dias.

A Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) deve concluir ainda esta semana a elaboração de metas que devem ser incluídas no contrato de gestão que deve ser cumprido pela organização social vencedora da licitação, que terá início ainda durante o mês de novembro.

O processo de terceirização da administração de hospitais públicos em Santarém começou no dia 3 de agosto, com a sanção da lei aprovada pela Câmara de Vereadores que autorizou o município a terceirizar a prestação de serviços de saúde.

Cerca de 30 mil cães e gatos foram vacinados contra raiva em Santarém
Domingo, 12 Novembro 2017 12:07

Cerca de 30 mil cães e gatos foram vacinados contra raiva em Santarém

Escrito por Portal OESTADONET, com informações da Semsa

Um balanço do início da campanha de vacinação antirrábica 2017, divulgado pela Prefeitura de Santarém,  aponta que foram imunizados no últmo sábado(11),  29.539 animais - 21.562 cães (49% da meta nacional) e 7.977 gatos.

Funcionaram na zona urbana de Santarém 109 postos de vacinação na zona urbana que contaram com uma equipe de veterinários e voluntários arregimentados pela Divisão de Vigilância em Saúde (Divisa)/Centro de Controle de Zoonoses (CCZ), setor ligado à Secretaria Municipal de Saúde (Semsa).

Segundo a Semsa, 'a intenção foi criar barreira epidemiológica que impeça a circulação do vírus, eliminar a raiva humana, controlar a doença, mas sobretudo manter o município livre da circulação do vírus, pois há mais de 20 anos Santarém não registra casos da doença".

Os donos de cães e gatos que não conseguiram levar os animais para vacinar  devem procurar o CCZ, localizado na Avenida Moaçara, bairro Floresta, no horário de 8h às 18h, de segunda à sexta, até o dia 30 de dezembro, portando a carteirinha do animal. Caso não tenha a carteira, esta poderá ser emetida na hora.

As regiões de rios e planalto de Santarém devem receber um dia "D" em data a ser programada pela coordenação.

Setran anuncia duplicação de 1.200 metros da rodovia Fernando Guilhon, do shopping até o trevo para Alter do Chão

A PA-457 (Rodovia Everaldo Martins), que liga Santarém a Vila Balneária de Alter do Chão, na região oeste do Pará, continua recebendo importantes serviços para melhorar a trafegabilidade. Além das obras que serão realizadas na Rodovia, o secretário de Estado de Transportes, Kleber Menezes, anunciou, durante visita às obras, que além dos quase 30 km da Rodovia, o Estado também finalizará a duplicação da PA-453, a Rodovia Fernando Guilhon, em 1.200 metros, à altura do Shopping Rio Tapajós, até a rotatória que será construída na confluência com a PA-457.

De acordo com o secretário, por conta da expansão urbana e dos projetos de habitação instalados ao longo da Fernando Guilhon, o Estado tomou a decisão de iniciar os serviços a partir desta via. "Durante nossa inspeção nós verificamos que este novo loteamento está em fase de ser liberado, vai ter um acesso muito grande de pessoas e novos moradores. Então nós decidimos que esse trecho de 1200 metros entre o shopping e a rotatória de Alter do Chão faremos em pista dupla", informou o secretário.

As obras na PA-457 incluem a implantação de acostamento com pavimentação, rotatória, ciclovia, sinalização e iluminação em toda sua extensão (28,68 km). "Com a intensificação do turismo, nós estamos construindo o acostamento ao longo de toda a via e nosso objetivo é termos uma ciclovia bi-direcional, toda iluminada, com segurança, intensificação de faixas para impulsionar, também, o turismo de aventura", disse Kleber Menezes.

Transuruará - Serviços de infraestrutura também estão sendo realizados na Rodovia Transuruará, no segundo trecho da PA-370, que vai da hidrelétrica até o município de Uruará. O valor do investimento chega a aproximadamente R$ 4 milhões. "São mais 150 km não pavimentados, dos quais o trecho a partir da ponte do Tutuí, cerca de 78 km, sequer poderíamos chamar de estrada. Agora, nós trafegamos por ela, está muito bonita a obra, muito segura e eu tenho certeza que Uruará e a região da Transamazônica vão se interligar ainda mais com Santarém e o povo santareno caso queira ir para Altamira ou para a própria capital do estado vai ter uma redução de 160 km", explicou o secretário.

Também participaram da visita a secretária de Estado de Municípios Sustentáveis, Izabela Jatene e o presidente da Companhia de Desenvolvimento Econômico do Pará, Olavo das Neves.

Com informações de Samuel Alvarenga

Governo do Estado faz liberação de microcrédito a empreendedores de Santarém
Sexta, 10 Novembro 2017 16:08

Governo do Estado faz liberação de microcrédito a empreendedores de Santarém

Escrito por Portal OESTADONET

O governo do estado do Pará fez a entrega de crédito para artesãos do município de Santarém, na tarde desta sexta-feira(10), em solenidade no Centro de Artesanato Cristo Rei.

A diretora do CredCidadão, Tetê Santos, coordenou a liberação de 27 microcréditos direcionados a artesãos, floristas, agricultores ornamentais e costureiras. Desse total, cinco artesãos são da região do rio Arapiuns, que produz cestarias.

Presente à solenidade, o ex-prefeito  Alexandre Von, que preside a Companhia de Portos e Hidrovias, anunciou que o total de liberação de microcrédito este ano em Santarém será de cerca de 600 mil reais.

Participaram do evento o prefeito em exercício José Maria Tapajós, a secretária extraordinária para Municípios Verdes, Isabela Jatene, o secretário municipal de Planejamento, Ruy Corrêa e o vereador Valdir Matias Jr.

Pagina 4 de 287