Sespa confirma dois casos de doença de Chagas no oeste do Pará
Terça, 16 Janeiro 2018 12:57

Sespa confirma dois casos de doença de Chagas no oeste do Pará

Escrito por Portal OESTADONET

A Nona Regional da Secretaria de Saúde, em Santarém, confirmou nesta terça-feira que dois pacientes foram diagnosticados com doença de Chagas.

Um menino de 11 anos, no interior de Alenquer e um indígena de uma aldeia, em Jacareacanga, contraíram a doença.

Os dois casos estão sendo acompanhados pelas autoridades municipais de saúde dos respectivos municípios.

São Raimundo estreia com vitória diante do Cametá. 3x2
Domingo, 14 Janeiro 2018 18:35

São Raimundo estreia com vitória diante do Cametá. 3x2

Escrito por Portal OESTADONET

O São Raimundo fez valer o mando de campo, no estádio Barbalhão, em Santarém, e conquistou os primeiros três pontos no campeonato paraense de futebol 2018.

O Pantera fez o marcador na primeira etapa da partida, com Jeferson Monte Alegre abrindo o placar. Leonardo fez 2x0 e Luiz Carlos Imperador ampliou para 3x0. O Cametá descontou no final do primeiro tempo, com Rael cobrando pênalti.

João Manoel, de cabeça, fez o segundo do Cametá, aos 40 minutos do segundo tempo.

Renda da partida: R$ 49.000,00.

2797 pagantes.

690 não pagantes.

Público total: 3.487.

Estádio Barbalhão é liberado para público de 8.500 torcedores
Quarta, 10 Janeiro 2018 10:24

Estádio Barbalhão é liberado para público de 8.500 torcedores

Escrito por Redação

O Batalhão de Eventos da Polícia Militar do Estado liberou a capacidade de público do estádio Barbalhão, em Santarém, em 8.500 torcedores durante as partidas do São Raimundo no campeoanto paraense de futebol. O Pantera estreia neste domingo, às 17 horas, contra o Cametá.

Outra medida de segurança foi a afixação de uma grade entre as bilheterias do estádio, a retirada da grade que separava as aquibancadas, permanecendo apenas a proteção no final do lance das arquibancadas superiores, no espaço reservado à torcida de clubes visitantes.

Marinha troca comando em Santarém no dia 26 de janeiro
Quarta, 10 Janeiro 2018 09:49

Marinha troca comando em Santarém no dia 26 de janeiro

Escrito por Portal OESTADONET

O capitão de fragata Ferreira será o novo capitão fluvial de Santarém. Ele vai receber o comando no dia 26 de janeiro, sem solenidade que será presidida pelo vice-almirante Edervaldo, do IV Distrito Naval.

O capitão Ricardo Barbosa depois de passar o posto ao capitão Ferreira vai servir na Diretoria de Ensino da Marinha, no Rio de Janeiro.

Capitão Ferreira chegou a Santarém nesta quarta-fera(10). Amanhã, ele se apresenta oficialmente à Capitania Fluvial de Santarém.

Bajara tenta cruzar navio mercante e emborca no rio Amazonas, próximo a Óbidos
Quarta, 10 Janeiro 2018 07:18

Bajara tenta cruzar navio mercante e emborca no rio Amazonas, próximo a Óbidos

Escrito por Portal OESTADONET

Duas crianças podem estar desaparecidas depois que a bajara(pequena embarcação motorizada) em que viajavam, pilotada por um homem, emborcou por causa das marolas provocadas pela aproximação do navio mercante MSC Alabama, no final da noite de terça-feira(9), no rio Amazonas, próximo à cidade de Óbidos

Segundo a Marinha, a bajara tentou cruzar a proa do navio mercante se aproximando do Alabama,  emborcando em seguida.

O navio Ana Karoline fez o resgate do homem que se encontrava na bajara após o pedido pelo rádio do navio mercante, que visualizou o emborcamento. Após o resgate, o homem informou que também havia duas crianças na bajara.

Segundo a Capitania Fluvial de Santarém, uma equipe da Marinha está seguindo, nesta quarta-feira(10), para o local juntamente com mergulhadores do Corpo de Bombeiros.

A Marinha está tentando confirmar a existência dessas duas crianças, pois o navio informou que só havia um homem na bajara.

Polícia Civil encerra inquérito do naufrágio do empurrador, indicia prático e imediato do navio sem esperar conclusão dos laudos do CPC

O delegado Dilermano Dantas apresentou nesta segunda-feira(8) as conclusões do inquérito policial que apurou as causas e responsabilidades pelo naufrágio do empurrador TBL CXX, da empresa de transportes Bertolini, que foi atingido pelo navio Mercosul Santos, dia 5 de agosto, no rio Amazonas, provocando a morte de nove tripulantes, cujos corpos foram resgatados quatro meses após o acidente. Para a polícia, a responsabilidade pelo naufrágio é do prático do navio, Flávio Luiz Barbosa e do imediato Raimundo Wilson da Cruz. Ambos foram indiciados no inquérito.

Apesar da conclusão do inquérito, os laudos periciais que estavam sendo elaborados pelo Centro de Perícia Científica(CPC) ainda não foram oficialmente anexados ao documento encaminhado à Comarca de Óbidos. Por causa disso, o inquérito marítimo, a cargo da Delegacia da Marinha em Santarém, ainda não foi encerrado e remetido ao Tribunal Marítimo, no Rio de Janeiro.

Mas o delegado Dilermano procurou minimizar essa lacuna, argumentando que mesmo sem os laudos oficiais, embasou suas investigações no acompanhamento que fez de todo o histórico do naufrágio até o resgate dos corpos das vítimas. “Eu acompanhei todos os passos como representante do sistema de segurança pública na coleta de informações, tanto na costa do Paru, quanto na localidade de Santa Rita; depois acompanhamos todas as fases do inquérito, as reuniões, a fase do içamento. Eu estava presente em todas essas fases e por isso eu consegui ter a percepção de todos os fatos. Mesmo assim, eu tenho os laudos provisórios dos exames de DNA, e também o croqui e o laudo de mais de 70 páginas, com a definição da posição dos corpos. Por isso, o laudo completo pra mim é prescindível, pois esse laudo será apenas para consubstanciar o que nós já apuramos no inquérito”, esclareceu o delegado.

Segundo as conclusões do delegado Dilermano Dantas, a culpabilidade do prático e do imediato do navio está clara pelo que revelam as conversas gravadas mantidas entre o comando do navio e do empurrador da Bertolini, quatro minutos antes do abalroalmento. “ “Isso a gente percebe pelas imagens do radar que marca as posições das embarcações e pelo flanco de bombordo aberto no comboio, que foi o ângulo de oclusão do acidente que alcançou a última balsa. Percebe-se que o empurrador até tentou adotar a manobra roda a roda ( quando pelo norma, em caso de risco de colisão, as embarcações devem manobrar a bombordo), mas o navio adotou como conduta permanecer na mesma velocidade e trajetória”.

Ainda segundo o delegado, tanto o pratico quanto o imediata erraram ao se preocupar, momentos antes do acidente, apenas com uma pequena embarcação que se aproximava do navio e mantiveram contato com outro empurrador que passava pelo local, o Eduardo VI, como se fosse a embarcação que acabou sendo atingida.

Até o fechamento desta matéria o delegado Dilermano não havia retornado à consulta feita a ele através da Agência Pará, em Santarém, para explicar se ainda vão ser anexados ao inquérito os laudos relativos às causas do colisão propriamente dita, que estão sendo elaborados pelo CPC.

Saiba como descobrir se seu CPF está negativado
Segunda, 08 Janeiro 2018 11:51

Saiba como descobrir se seu CPF está negativado

Escrito por Patrícia Nadir*

A dificuldade em manter o orçamento familiar equilibrado contribui para que o consumidor se enrede em dividas e acabe tendo o nome negativado, ou sujo, como é dito popularmente. Para evitar surpresas desagradáveis como essa, o ideal é consultar a situação do Cadastro de Pessoa Física (CPF).

As principais bases de dados para checar a existência de dívidas atrasadas são a Serasa, administrada pela Serasa Experian; o Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil), dirigido pela Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) e o Serviço Central de Proteção ao Crédito (SCPC), coordenado pela Boa Vista Serviços. O Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor (Idec) indica que a pessoa consulte os três cadastros para verificar a situação do CPF.

A consulta na Serasa pode ser feita pela internet, por meio do site serasaconsumidor.com.br, ou pessoalmente, em uma agência Serasa Consumidor. No segundo caso, é preciso estar com o CPF em mãos, além de algum dos seguintes documentos originais: Registro Geral (RG), carteira de trabalho ou Carteira Nacional de Habilitação (CNH). A consulta é gratuita e realizada na hora. A lei diz que só o titular do CPF pode solicitá-la. Se o pedido for feito por terceiro, é necessária uma procuração com firma reconhecida em cartório. Há ainda a possibilidade de a consulta ser feita por meio de carta, podendo ser escrita à mão ou impressa. Nela, precisa constar o número do CPF e o RG do cliente, com assinatura também reconhecida em cartório.   No caso do SPC, o serviço não disponibiliza a verificação pela internet de forma gratuita, apenas pessoalmente. Para fazer a consulta presencialmente, é preciso apenas comparecer a um dos postos de atendimento do órgão, levando o CPF original e documento com foto. Os endereços podem ser conferidos no site do SPC. Pelo atendimento on-line, é possível comprar créditos, pelo valor mínimo de R$ 9,90, e pagar por uma consulta, no valor de R$ 6, na loja virtual do SPC Brasil.   Por último, a Boa Vista SCPC disponibiliza a pesquisa tanto pela internet quanto de forma presencial. No computador, basta acessar o site www.boavistaservicos.com.br  e clicar em “Consulte já”, no centro da página.É preciso fazer um cadastro na página virtual, informando e-mail e senha. Em seguida, o site aponta se consta algum registo no SCPC. Caso haja, é possível conferir os detalhes sobre os débitos e saber em qual empresa consta a pendência. Além disso, a entidade oferece a possibilidade de verificação nos postos de atendimento da Boa Vista. Porém, o serviço não possui postos no DF.  

Danos morais

De acordo com o Idec, no caso de o consumidor ter o nome inscrito em  um desses cadastros sem justa causa, sem aviso-prévio ou com informações incorretas, quando a notificação é enviada para o endereço errado, por exemplo, a empresa que requisitou a inclusão da pessoa será responsabilizada por danos morais e materiais decorrentes dessa inclusão. Isso só não ocorre se for comprovada a comunicação entre a firma e o indivíduo.   O Código de Defesa do Consumidor (CDC) prevê que os cadastros no Serasa, SPC e SCPC devem conter informações objetivas e claras. Antes de qualquer abertura nesses cadastros, contendo os dados pessoais e de consumo, o cliente precisa ser devidamente comunicado. Ao consumidor, deve ser oferecida a chance de se defender, em tempo hábil, para que corrija, ou mesmo impeça a inclusão do seu nome no cadastro. Caso haja engano em qualquer cadastro, a dica é que o consumidor exija a correção imediata da situação, entrando em contato com a instituição onde consta a irregularidade. Em seguida, ele precisa ser informado, em até cinco dias úteis, sobre a alteração realizada.   Além disso, para “limpar” um nome inscrito indevidamente nessas bases de dados, o indivíduo também tem a alternativa de entrar com uma ação de indenização por danos morais, podendo recorrer sem advogado aos Juizados Especiais. (Leia O que diz a lei).  

Controle de gastos

Para evitar transtornos financeiros, o melhor caminho é manter uma boa relação com o bolso, sempre administrando os gastos com planejamentos a médio e longo prazos.   Para evitar o descontrole no orçamento mensal, especialistas orientam deixar as finanças equilibradas logo em janeiro, uma vez que há despesas, como impostos, matrícula e material escolar, e as contas feitas para as festas de fim de ano.   Um conselho é ter uma poupança para emergências. A medida traz segurança para eventuais surpresas, principalmente nos casos de perda do emprego ou de doença. Essa foi uma lição que o ex-gerente Túlio Martins Santos, 46 anos, aprendeu de uma forma bastante desagradável. Atualmente desempregado, o mineiro foi inesperadamente demitido em outubro do ano passado, o que comprometeu toda a previsão da família, pois não tinha nenhuma reserva. “Lá em casa, as despesas são grandes. Temos três crianças, dois carros e minha esposa está terminando a faculdade. Precisamos cortar tudo que não era essencial”, conta o morador de Taguatinga, que começará a trabalhar em um novo emprego no mês que vem. Desta vez, a regra é clara: “faremos um pé de meia para futuros perrengues”.    *Estagiária sob supervisão de Margareth Lourenço(Correio Braziliense)

 

Empurrador da Samal que adernou próximo à praia já está a caminho de Óbidos
Sexta, 05 Janeiro 2018 15:40

Empurrador da Samal que adernou próximo à praia já está a caminho de Óbidos

Escrito por Portal OESTADONET

Por volta de 13h30 desta sexta-feira(5) o empurrador da empresa de navegação Samal e a balsa que era conduzida seguiram viagem para a cidade de Óbidos, onde a embarcação sofrerá reparos.

Na madrugada desta sexta-feira,o comboio subia o rio Amazonas, à altura da ponta do Amador, abaixo uma hora de viagem de Óbidos, quando bateu em um banco de areia, na margem do rio Amazonas. Com o choque, o empurrador adernou, mas a balsa que transportava madeira não foi atingida.

Pela manhã, a empresa providenciou bomba de sucção e um pequeno guindaste para esvaziar o porão do empurrador. A operação de desencalhe foi concluída no final da manhã.

Desde as 13h30 o comboio está sendo rebocado por outra embarcação da empresa em direção à Óbidos.

Ainda pela manhã uma equipe da capitania fluvial de Santarém esteve no local para fazer os procedimentos necessários à investigação sobre as causas do acidente.

Empurrador da Samal adernou após balsa colidir contra banco de areia, no rio Amazonas, próximo a Óbidos.Empurrador da Samal adernou após balsa colidir contra banco de areia, no rio Amazonas, próximo a Óbidos.

 

Santarém é um dos poucos municípios do Pará que validaram dados em sistema de saúde

O município de Santarém validou os dados do Sistema de Informações sobre Orçamento Público em Saúde (Siops) do 5º bimestre de 2017. A homologação foi feita pelo Núcleo de Contabilidade da Secretaria Municipal de Governo, Orçamento e Finanças(Semgof).

A situação da Prefeitura de Santarém é exceção entre os 144 municípios do Pará. Segundo levantamento feito pela Confederação Nacional dos Municípios(CNM) apenas 39 prefeituras paraenses homologaram os dados do Siops. A ação, que deveria ser finalizada no dia 30 de novembro, traz como consequência a suspensão, já no primeiro repasse do mês de março de 2018, do Fundo de Participação dos Municípios (FPM).

Segundo a CNM, em todo o País, são 2.593 municípios nessa situação. A suspensão do repasse está descrita no Decreto 7.827/2012, que dispõe sobre os procedimentos de condicionamento e restabelecimento das transferências constitucionais, bem como da suspensão e do restabelecimento das transferências voluntárias da União, nos casos de descumprimento da aplicação de recursos em ações e serviços públicos em saúde de que trata a Lei Complementar 141/12.

Diante deste quadro, a Confederação Nacional dos Municípios (CNM) divulgou um alerta, destacando a importância do cumprimento dos prazos e da alimentação bimestral dos gastos em saúde no Siops, “tendo em vista que a falta de dados acarreta em suspensão de repasses extremamente importantes para a continuidade e a prestação das ações e serviços de saúde no Município”. A Entidade alerta ainda que os dados do 6º bimestre, que diz respeito ao fim do exercício de 2017, devem ser enviados até 30 de janeiro.

Caso o repasse seja suspenso decorrente da ausência de informações homologadas no Siops, o Ente deverá transmitir e homologar os dados do 6º bimestre do exercício financeiro de 2017 no sistema o mais breve possível. O restabelecimento/desbloqueio dos valores suspensos somente ocorre no prazo de até 72 horas até atualização do sistema e envio de dados ao Banco do Brasil. 

Já caso a suspensão seja decorrente da não comprovação da aplicação efetiva em medida preliminar de condicionamento no prazo de 12 meses - contado do depósito da primeira parcela direcionada -, as transferências constitucionais e as transferências voluntárias da União serão restabelecidas quando o Ente federativo beneficiário comprovar, por meio de demonstrativo de receitas e despesas com ações e serviços públicos de saúde do Relatório Resumido da Execução Orçamentária (RREO), a aplicação efetiva do adicional relativo ao montante não aplicado em ações e serviços públicos de saúde em exercícios anteriores.

O comunicado da CNM traz ainda os prazos de envio das próximas homologações: 6º bimestre 2017 (fim do exercício 2017) - até 30 de janeiro de 2018; 1º bimestre 2018 - até 30 de março de 2018; 2º bimestre 2018 - até 30 de maio de 2018; 3º bimestre 2018 - até 30 de julho de 2018; 4º bimestre 2018 - até 30 de setembro de 2018; 5º bimestre 2018 - até 30 de novembro de 2018; e 6º bimestre 2018 (fim do exercício 2018) - até 30 de janeiro de 2019. (Com informações do Portal ORM).

Em janeiro, Pará oferece mais de 1,6 mil vagas em concursos públicos
Quarta, 03 Janeiro 2018 09:00

Em janeiro, Pará oferece mais de 1,6 mil vagas em concursos públicos

Escrito por Diário do Pará

Somente no primeiro mês deste ano, no Pará, são oferecidas 1.640 vagas imediatas e 318 para cadastro de reserva em concursos públicos e processos seletivos simplificados. Há vagas para todos os níveis de escolaridade, desde o fundamental incompleto até o nível superior com doutorado. Dos órgãos que estão com inscrições abertas, o que oferece o maior número de vagas é a Superintendência do Sistema Penitenciário do Estado do Pará (Susipe), com dois editais disponíveis. São 500 para o edital que seleciona para agente prisional e 469 vagas para o que seleciona para outros cargos de nível médio e também superior.

UNIVERSIDADE

Já o edital que oferece a maior remuneração é o da Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará (Unifesspa). O vencimento total bruto é de pouco mais de R$9.585. Os cargos são para professor da carreira do magistério superior para o quadro permanente da instituição. Dentre as vagas, há oportunidades para magistério nas áreas de engenharia, agronomia, administração, geografia, ciências biológicas, jornalismo, matemática, profissões ligadas à saúde, dentre outras. Veja no box ao lado essas e outras oportunidades de certames com inscrições abertas ou prestesa abrir no Estado.

11 mil vagas em concursos e processos seletivos em 2018 no Amazonas
Terça, 02 Janeiro 2018 16:13

11 mil vagas em concursos e processos seletivos em 2018 no Amazonas

Escrito por Portal OESTADONET

Uma enxurrada de concursos públicos e processos seletivos serão abertos em 2018 no Estado do Amazonas. A previsão é que 11 mil vagas sejam oferecidas. Entre os concursos mais aguardados estão o das polícias Civil e Militar e do Corpo de Bombeiros.

O secretário Bosco Saraiva, da Secretaria de Estado de Segurança (SSP), informou que o edital da Polícia Civil, Polícia Militar e Corpo de Bombeiros deverão sair ainda este mês.

Serão ofertadas 5.865 vagas para a Polícia Militar e 2.394 para a Polícia Civil. Por enquanto, não se sabe a quantidade de vagas para o Corpo de Bombeiros.

Além disso, foi divulgado pelo Governo Amazonense 1,7 mil vagas para agentes penitenciários. Apesar da divulgação, não foram dadas quaisquer informações sobre quando o edital será lançado.

(Com informações do Portal do Holanda)

Prefeitura de Santarém vai mudar sua agência de publicidade
Quarta, 20 Dezembro 2017 08:50

Prefeitura de Santarém vai mudar sua agência de publicidade

Escrito por Portal OESTADONET

Prefeitura de Santarém vai contratar nova agência de publicidade para prestar serviços à administração municipal a partir de 2018. O Portal OESTADONET apurou que o contrato com a agência Vanguarda, que venceu a licitação deste ano, será rescindido.

Na edição desta quarta-feira(20) do Diário Oficial do Estado está publicado o edital de licitação 002/2017-Semgof,” para contratação de agência de comunicação, propaganda e publicidade para prestação de serviços destinados a atender à Prefeitura Municipal de Santarém e suas Secretarias Municipais”.

A Abertura da licitação será no dia 05 de fevereiro de 2018, às 10 horas, na SEMGOF. O edital pode ser obtido no site: www.santarem.pa.gov.br

Edital da Semgov publicado na edição desta quarta-feira do Diário Oficial do Estado.Edital da Semgov publicado na edição desta quarta-feira do Diário Oficial do Estado.

Transbordo de grãos da Cargill em Miritituba sobe de 2 para 5 milhões de toneladas

A Cargill vai mais do que dobrar a capacidade da estação de transbordo de cargas que construiu em Miritituba, distrito paraense de Itaituba, com investimento de 180 milhões de reais.

Dos 2 milhões de toneladas atuais, a estação passará para 5 milhões. Por ela, neste ano, deverão passar 1,5 milhão de toneladas de soja e milho, que chegam em caminhões pela Santarém-Cuiabá, e seguem em barcaças, pelo rio Tapajós, até o terminal no porto de Santarém.

A multinacional americana de processamento de alimentos é a maior empresa de capital fechado do mundo.

É a ampliação da verdadeira hemorragia que ocorre nos terminais de lançamento de riquezas montados na Amazônia, rumo ao exterior

Diocese de Santarém decide suspender venda do Seminário São Pio X à UFOPA
Segunda, 18 Dezembro 2017 15:04

Diocese de Santarém decide suspender venda do Seminário São Pio X à UFOPA

Escrito por Portal OESTADONET

Atualização: 15h50

O padre Rubiney, reitor do Seminário São Pio X, confirmou ao Portal OESTADONET que a Diocese de Santarém, acatando a posição contrária do Conselho Presbiteral, decidiu suspender a venda do prédio e terreno do seminário à Universidade Federal do Oeste do Pará (UFOPA), para a atual gestão.

Na última sexta-feira(15) o Departamento do Patrimônio da União(DPU) autorizou a compra do imóvel no qual a reitora Raimunda Monteiro pretendia instalar o campus Amazônia.

A intenção da reitoria da UFOPA vinha bsendo muito criticada por estudantes, servidores e professores por não ter sido debatida com a comunidade.

Com a desistência da Diocese em vender o imóvel, a reunião esta semana, convocada pela reitoria para discutir a futura aquisição, não será mais realizada.

Na manhã desta segunda-feira(18) um grupo de professores e ser encaminhou uma correspondência à Secretaria de Ensino Superior do MEC denunciando possíveis irregularidades no processo de compra do seminário.

Padre Rubiney informou também que as negociações foram suspensas até que o reitor eleito Hugo Diniz tome posse e discuta com a Diocese uma nova proposta financeira que será apresentada a partir de abril de 2018.

 

MEC deve vetar compra do Seminário São Pio X pela UFOPA
Segunda, 18 Dezembro 2017 11:37

MEC deve vetar compra do Seminário São Pio X pela UFOPA

Escrito por Portal OESTADONET

O Ministério da Educação vai ser acionado, ainda nesta segunda-feira(18) por um grupo de professores e servidores da Universidade Federal do Oeste do Pará(UFOPA), que são contrários à aquisição do Seminário São Pio X.

Leia também: Diocese de Santarém desiste da venda do Seminário São Pio X

O grupo argumenta que a decisão da reitora Raimunda Monteiro de  comprar o prédio, localizado as margens da BR 163,  para transferir para o seminário o campus Amazônia, que funciona em imóvel alugado, na Mendonça Furtado,  vai inviabilizar financeiramente a instituição.

Em nota divulgada pela reitoria, Raimunda Monteiro esclarece "que o fato de ter sido publicada uma autorização do Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão (MPOG), órgão do Governo Federal, significa que a Administração Superior está trabalhando para apresentar soluções administrativas seguras ao problema de espaço para o funcionamento da Universidade e do desencargo de aluguéis no custeio da instituição."

Diz ainda que 'A aquisição do imóvel ainda depende de outros fatores a serem apresentados ao Conselho Superior da Universidade (Consun), onde estão representantes de todas as categorias (docente, técnico e discente). A reunião está sendo convocada para esta semana."

Além disso, sustenta esse grupo de professores e servidores que apoiaram a candidatura de Hugo Diniz, que venceu em primeiro lugar a consulta para a reitoria da UFOPA, realizada no ultimo dia 5 de dezembro, essa aquisição gera desconfiança porque edital de chamamento para oferta de imóveis que interessam à instituição teria sido dirigido, ao especificar características e dimensões do imóvel pretendido praticamente similar ao seminário São Pio X, o que se configuraria em indício de direcionamento do processo de aquisição.
O professor Hugo Diniz, tão logo foi anunciado o resultado da consulta para formação da lista tríplice que será votada pelo Consun e enviada ao MEC para nomeação do futuro reitor, anunciou em entrevista coletiva que solicitaria à atual administração da UFOPA a suspensão do processo de aquisição do seminário até que a comunidade acadêmica fosse consultada e aprovasse a compra do referido imóvel. 

Saiba quais serviços on line o governo estadual coloca à disposição do cidadão
Segunda, 18 Dezembro 2017 09:27

Saiba quais serviços on line o governo estadual coloca à disposição do cidadão

Escrito por Agência Pará

Para garantir um canal de comunicação direto entre a população e os organismos que prestam serviços públicos, o governo do Estado vem aperfeiçoando as plataformas de atendimento digital. Reclamações, dúvidas, agendamentos, emissão de segundas vias de boletos, negociação de débitos e outras opções de serviços estão cada vez mais acessíveis ao público por via on-line.

Desde o mês de novembro, a Companhia de Saneamento do Pará (Cosanpa) passou a reforçar o atendimento ao público, que antes era feito apenas pelo call center 0800 707 1195, com a disponibilização de uma linha direta de serviços. Através do chat cosanpa.pa.gov.br e do Whatsapp (91) 98423-4314, os usuários podem negociar débitos, esclarecer dúvidas, solicitar serviços, entender melhor as cobranças discriminadas na conta e solicitar segunda via da fatura, além de se informar sobre o abastecimento de água e denunciar vazamentos.

Os serviços on-line funcionam de segunda a segunda, inclusive aos feriados, das 6h às 20h. Por meio do endereço eletrônicowww.cosanpa.com.br, o usuário também tem a sua disposição uma loja virtual, onde funciona o autoatendimento, que permite a solicitação de segunda via de contas e a certidão negativa de débito.

O canal on-line da Cosanpa recebe, em média, 400 chamadas por dia, garantindo aos clientes a solução mais rápida das demandas, com segurança e transparência nos processos de atendimento, negociação de débitos e repasse de informações. “Além desses benefícios, estabelecemos uma aproximação maior com nossos clientes, reforçando a nossa credibilidade”, diz Édson Cardoso, gerente de produtos e serviços da Cosanpa.

Detran - Desde que foi criado, há mais de 10 anos, o site do Departamento de Trânsito do Estado do Pará (Detran) disponibiliza serviços on-line para fins de habilitação, licenciamento de veículos, consultas e geração de documentos diversos. Hoje, 85% dos serviços do órgão são disponibilizados no site www.detran.pa.gov.br.

No ambiente virtual, o usuário pode fazer a triagem de seu atendimento, selecionando o local, a data e o horário nos quais deseja ser atendido. Podem ser agendados pelo site do órgão a biometria (identificação digital), os exames médico, psicotécnico e de legislação de trânsito, bem como o exame de trânsito, assim como é possível cancelar um exame previamente agendado.

Um serviço que muita gente desconhece é a emissão da Permissão Internacional para Dirigir (PID), que também é feita através do site, para quem pretende viajar para o exterior. A única condição para isso é que o condutor esteja com a Carteira Nacional de Habilitação em dia.

O aplicativo “Detran/PA Mobile”, compatível com o sistema operacional Android e disponível para download no Google Play, é outra opção que garante comodidade aos usuários. Os serviços ofertados incluem consulta detalhada ou resumida a veículos e à Carteira Nacional de Habilitação (CNH), bem como pontuação e infrações, consulta à base de dados do Gravame (desalienação) e licenciamento de veículo, onde é possível consultar o orçamento e gerar a linha digitável do boleto para pagamento.

Upgrade - Para 2018, a meta do Detran é aperfeiçoar essa ferramenta, tornando o site do órgão um dos mais completos em termos de serviços entre os 27 Detrans existentes no país. Para isso, está programada uma reformulação completa da página, que vai ganhar novo layout, mais didático e funcional. Alguns serviços que exigem a presença em cartório, como a interposição de recursos, também passarão a ser oferecidos. Pelo novo site do Detran, o motorista ainda poderá fazer bloqueios judiciais e acompanhar os processos de suspensão da carteira de habilitação.

Outra novidade será a possibilidade da emissão, a partir de março de 2018, da Carteira Nacional de Habilitação Digital, que diminui o risco de fraudes e facilita a identificação, e a comunicação de venda.

Este ano, o Detran firmou convênio com o Tribunal de Justiça do Estado e a Associação dos Cartórios, o que possibilitará o lançamento imediato no banco de dados do órgão do registro de venda de veículos registradas em cartório, evitando, assim, a burocracia que o trâmite normal desse processo exige e também possíveis fraudes.

“O uso da tecnologia é um benefício também para o Detran. Com a disponibilização desses serviços, temos mais celeridade e segurança em nossos processos, além de evitar a presença de intermediários e os erros humanos decorrentes de operações presenciais”, explica Valter Aragão, coordenador de Educação para o Trânsito.

Sefa - A Secretaria de Estado da Fazenda (Sefa) oferece ao contribuinte 73 tipos de serviços on-line, disponibilizados pelo portal www.sefa.pa.gov.br, que existe desde 2006. O atendimento não presencial tem crescido nos últimos anos pela comodidade que garante aos usuários.

Em 2016 foram 12.634.830 acessos no Portal da Sefa, e este ano, até o mês de novembro, 11.904.101. “Um dos maiores benefícios desse canal de comunicação para o contribuinte e a segurança na informação, que reflete um trabalho de qualidade prestado pela Sefa. As informações fornecidas são preservadas em absoluto sigilo fiscal e o sistema virtual facilita essa transmissão de informações”, destaca Tânia Braga, coordenadora de Atendimento da Secretaria.

O Portal da Sefa disponibiliza 24 serviços de acesso livre e 49 de acesso privado, isto é, que exigem cadastro com senha ativada ou acesso por meio de certificado digital. Para realizar cadastro prévio com ativação da senha os usuários só precisam agendar uma visita a uma unidade da Sefa para confirmar seus dados.

Na visita, será necessário apresentar os seguintes documentos, em cópia e original: Documento de identificação com foto, CPF, comprovante de residência e procuração, se não for o beneficiário.

O Documento de Arrecadação Estadual (DAE) avulso é um dos serviços de acesso público disponíveis no portal da Sefa, e um dos mais utilizados pelos usuários. No primeiro semestre de 2017 foram registrados 284.155 acessos.

O cadastro para acesso aos serviços é feito no link https://app.sefa.pa.gov.br/pservicos/. Em caso de dúvidas, o contribuinte pode entrar em contato com o call center da Sefa (0800 725 5533). A ligação é gratuita e o funcionamento é das 8h às 20h.

Ampliação - Em 2018, o atendimento on-line da Sefa será aperfeiçoado com a criação de um chat para o contato direto com os servidores da secretaria, através do qual o contribuinte poderá dirimir todas as suas dúvidas, já que todos os 73 serviços disponibilizados no site são de autoatendimento. “Isso vai facilitar ainda mais a nossa interação com os contribuintes de todo o Estado”, destaca Iranete Staack, diretora da Sefa.

Susipe- Na Superintendência do Sistema Penitenciário do Pará ( Susipe), o serviço on-line permite receber denúncias anônimas por intermédio de mensagens instantâneas, no Whatsapp (91) 98814-1218, que funciona em tempo real para ajudar as polícias na captura de fugitivos do sistema penal, além do Disque-Denúncia (181). Em ambos os canais o sigilo do cidadão é garantido.

Sespa - A Secretaria de Estado de Saúde (Sespa) disponibiliza aplicativos que servem como fonte de informações para profissionais da área da saúde e cidadãos de acordo com a finalidade de cada um.

São eles:

Acidente por animais peçonhentos: https://play.google.com/store/apps/details?id=com.sespa.peconhento

Boas práticas para batedores de açaí e bacaba: https://play.google.com/store/apps/details?id=com.sespa.boaspraticas

Boas práticas para profissionais da área da beleza: https://play.google.com/store/apps/details?id=com.sespa.belezapp

Dengue App: https://play.google.com/store/apps/details?id=com.sespa.dengueapp

Aids App: https://play.google.com/store/apps/details?id=com.sespa.aidsapp

Texto: Syanne Neno

 
Pagina 1 de 167